domingo, 21 de março de 2010

Universo Interior

Romero Brito
.•♥´¨`♥•.¸¸.•♥´¨`♥•.¸¸.•♥´¨`♥•..•♥´¨.•♥´¨`♥•

Cada um de nós cria seu infinito particular. Vivemos numa caixa que é a representação do nosso universo interior.

 Infinita ou limitada;  apenas uma questão de como cada um  enxerga o mundo.

Avalie a si mesmo e quantas vezes passa pelas rosas sem sentir seu perfume; se ouve o canto dos pássaros e não se sente tocado, se capta os raios do sol, mas  não percebe o divino por detrás da lição de um novo dia nascendo...

Reflita sobre quantas vezes em meio ao caos urbano, a paz por detrás do concreto e da multidão passa desapercebida; quando o lamento se torna constante em relação às pequenezas da vida; se não há vislumbre e agradecimento pela maravilha do alimento de todas as experiências, se não ousa trasnscender para melhor, se não se abre para a beleza do amor, se fecha-se para a doação, se não ouve a música sagrada da vida...

Mergulhe profundamente em si e perceba se não está preocupado apenas com o que lhe tange às mãos; se  vive remoendo mágoas, se canta e não compartilha, se a ambição lhe cega os olhos e só há desejos profanos, se seus braços vivem em falta de colo para ofertar, se não há poesia em seus dias...

Estas palavras tocam seu coração? Se elas não pousam em seus cabelos e pêlos, adentrando seu corpo e alma, sinto-lhe dizer, mas sua caixa  provavelmente é pequena. E talvez, escura.

Nossa caixa é nosso estado de espírito. É a maneira como nos sentimos interiormente, como lidamos com as vicissitudes da vida.

Quanto mais ampliamos nosso modo de viver, agir e pensar, mais a nossa caixa cresce, se colore, se ilumina.

 Agradeço a abençoada oportunidade  de enxergar além da caixa.

A visão externa é o universo.  Trilhões de caixas em suspensão; as estrelas do infinito brindando nossa coragem por ir além dos nossos pés no chão.

Volitar com lágrimas nos olhos, sentir a presença sagrada de Deus tocando nossa vida por tantas vazia; nos falta coragem de buscar a Sua mão e ali ficar.

É preciso força, despreendimento e sabedoria para sentir que o mundo é muito além do que nossa mera consciência deturpada pelo modo  mesquinho que vivemos. A vida é um conjunto de experiências que tem como finalidade ampliar nosso ser.

De nos transformar no divino. De comungar com a paz, união.

De dar adeus às nossas sombras e nos aliar com a luz.

Escolha a sua cor e ligue-se a ela. Escolha seu tamanho e cresça!

Hoje, dou um passo, talvez ainda pequeno e inseguro. Mas todo passo é um laço. É uma vida desprendendo-se do ranso, é um maço de rosas nascendo e perfumando almas.

Agradeço a sagrada oportunidade de modificar a caixa que me representa.

A minha maior sede de viver, é jamais me manter inerte. É jamais parar de sentir fome. É jamais me contentar com o que me rodeia.
É buscar mais, é sentir mais, é chorar mais por alegria, é arrepiar cada poro e sentir mais frio na barriga, é enxergar cada dia mais o belo no outro, é me doar mais e jamais cansar.

É sorrir infinitamente, mesmo quando a vida me estapeie.

É viver intensamente.

E a cada segundo que juntos, transformam-se em minutos, que logo engolem as horas  onde os dias acabam e a semana começa correndo apetitosa por mais  anos que passam depressa; a vida vai-se num piscar de olhos...eu quero que meu olhar jamais seja o mesmo.

Que ele se ressignifique a cada tilintar do sopro da vida.

Faça o seu melhor a cada dia. Cada dia que passa é um dia a menos. Não perca tempo com pequenezas. Sinta a grandeza, viva por ela, dê o máximo de energia para ser melhor a cada sorriso, a cada gesto, a cada lágrima de agradecimento.

Fecho meus olhos nesse instante;  posso sentir a paz chegando de fininho, abraçando os meus sentidos e sussurrando plenitude.

Eu tenho o tamanho dos meus sonhos e da minha sede por viver e jamais permanecer no mesmo lugar.

Eu quero me embriagar até morrer.

Levar daqui o melhor desta bebida de aprendizados.

Quero chegar no infinito e constatar que entre tropeços e acertos,  mergulhei fundo, que busquei lá no âmago, a Ti e a sua paz, como combustível aos meus dias sem iguais...

.•♥´¨`♥•.¸¸.•♥´¨`♥•.¸¸.•♥´¨`♥•..•♥´¨.•♥´¨`♥•

Um comentário:

  1. Meu universo interior está retumbante e feliz com o teu texto, uma clássica reflexão sobre a vida. Meu universo interior no momento se limita a admirar tua arte.
    "Faça o seu melhor a cada dia". Tais palavras entram em meu ser como um ânimo para as lutas cotidianas e um incentivo a seguir em frente.
    Meu universo interior só tem a te parabenizar e dizer para ti: "Siga em frente e conquiste os teus objetivos". Você é uma escritora nata e chegará longe. Tenha um belo dia, abençoado e iluminado por Deus.

    ResponderExcluir